Cirurgia Refrativa Lasik Femto

Cirurgia Refrativa Lasik FEMTO

Lasik é a técnica mais utilizada no mundo para a correção dos erros de refração, Miopia, Astigmatismo e Hipermetropia por ser segura e de rápida recuperação, com alta imediata e pouco desconforto pós-operatório. 

É um procedimento indolor, realizado com o olho anestesiado por colírios. Nele o disco da superfície externa da córnea é temporariamente removido, enquanto aplicações de laser corrigem as deformações na parte interna do olho. A visão pode ficar turva ou dificultada para perto por algumas semanas, a depender da capacidade de cicatrização de cada paciente. Maiores complicações são raras, mas eventualmente pode vir a ser necessária alguma aplicação posterior.

A prescrição dos resultados é boa para graus baixos e elevados, mas existem algumas condições básicas para que a cirurgia refrativa seja indicada. O paciente deve ter mais de 18 anos e uma refração estável, além de não possuir problemas de saúde que interfiram na decisão.

Miopia

Se o globo ocular é muito comprido, os raios de luz são focados antes de chegarem à retina, causando assim, a miopia, ou visão curta. Por esse motivo, as pessoas míopes enxergam bem aquilo que está perto, mas sentem dificuldade para visualizar as imagens mais distantes.

Hipermetropia

No caso oposto, o globo ocular é menor que o normal e os raios de luz encontram seu foco depois da retina, causando a hipermetropia, ou visão longa. De forma também contrária, o hipermétrope enxerga melhor as imagens mais distantes e com dificuldades aquilo que está mais perto. Mas existem pacientes, hipermétropes, com graus muito elevados ou com mais de 40anos, que também podem apresentar dificuldade com a visão a distância.

Astigmatismo

Quando o globo ocular tem um formato irregular, ovalado, o feixe de luz incide em ângulos diferentes, gerando imagens “borradas”, tanto de perto quanto de longe, como se os objetos estivessem sendo vistos através de um vidro ondulado. Isso é chamado de astigmatismo ou visão distorcida.

Presbiopia

Se o cristalino começa a perder a capacidade de foco, ocorre uma redução gradativa da visão para perto, causando a presbiopia ou visão cansada, um problema comum em pessoas acima de 40 anos.

Quais são os sintomas?

Os sintomas dos erros de refração são variados, em função do problema de cada paciente. Em casos mais leves, podem vir com um simples desconforto visual, chegando a borramentos e distorções acentuadas na visão, em casos avançados. Lacrimejamento, náuseas, dores de cabeça ou irritabilidade são comuns também nos diversos casos.

Qual o principal tratamento?

O uso de óculos e de lentes de contato é o recurso mais comum para a maioria dos erros de refração, mais isso não significa a cura, e sim uma eliminação dos sintomas. A miopia, o astigmatismo e a hipermetropia porém, já possuem uma alternativa de cura, através da Cirurgia Refrativa com Excimer Laser, também conhecida como Lasik, com excelentes resultados e um elevado índice de satisfação.

Importante

Você precisa estar seguro e ciente de todos os riscos e benefícios da cirurgia refrativa, por isso procure esclarecer todas suas dúvidas com seu Oftalmologista antes da decisão pelo tratamento.